Buscar
  • Camile Just

Os introvertidos trazem ao mundo habilidades e talentos extraordinários


Se você já passou pela experiência de permanecer calado em uma reunião, enquanto todos à sua volta davam suas opiniões, saiba que isso não é uma característica negativa sua.



Pois, para a escritora Susan Cain, autora do livro ‘O Poder dos Quietos’, os introvertidos trazem ao mundo habilidades e talentos extraordinários e devem ser encorajados a terem seus momentos de introspecção.



Para ela, estamos vivendo em um mundo que é tão expansivo, extrovertido e conectado que perdemos de vista o nosso lado introvertido, silencioso.


A crescente busca por práticas como ioga, meditação e terapias alternativas, segundo ela, é uma prova de como esse barulho todo tem afetado a vida das pessoas.


Em seu TEDx, Susan explica que ser introvertido é diferente de ser tímido, já que timidez tem a ver com o medo do julgamento social.


Introversão é mais sobre como alguém reage à estimulação, e os extrovertidos são os que precisam de muita estimulação.


Nossa sociedade moderna potencializa a extroversão e tende a valorizar e superestimar pessoas carismáticas.


É preciso mudar o jeito de lidar com os introvertidos, que quase sempre são tidos como pessoas ‘estranhas’, ou o que é pior, com algum tipo de problema.


Outro ponto que Susan levanta em seu livro é que os ambientes de trabalho favorecem as pessoas extrovertidas e, naturalmente, complica a vida dos introvertidos.


A questão, aponta Susan - que passou seis anos fazendo pesquisa para o seu livro - é que o silêncio e a introspecção são ingredientes fundamentais para que um profissional use a criatividade, a persistência e a moderação para assumir riscos.


Sem esses elementos, os resultados pessoal e profissional podem ficar prejudicados.

“Os introvertidos têm características que estão sendo cada vez mais apreciadas.


Muitas das pessoas mais criativas da história eram introvertidas.


O silêncio é um ingrediente crucial da criatividade.


A persistência também exige reflexão e calma. Introvertidos não desistem facilmente.”


3 visualizações0 comentário